Sociedade Cultural e Religiosa Ilé Asé Bàbá Òlòrìgbìn

Ciências Humanas


O e-book "Perspectivas geográficas" vem a público na intenção de ampliar a difusão das pesquisas realizadas pelos egressos do Programa de Pós‑Graduação em Geografia (PPGG), da Universidade Estadual Paulista “Júlio de Mesquita Filho” (UNESP) - Campus de Rio Claro / SP. A organização desta coleção é composta pelas contribuições de mestres e doutores que defenderam suas dissertações e teses pelo Programa e a divulgação das mesmas pretende contribuir para uma melhor compreensão do espaço geográfico, de seus diferentes atributos e desdobramentos.




O e-book "Diálogos e práticas no campo da pesquisa qualitativa" é uma coletânea em que as autoras e autores convidam os leitores e leitoras a uma reflexão sobre a abordagem da pesquisa qualitativa, evidenciando "o valor desse tipo de pesquisa para uma compreensão contextual, estrutural e fenomenológica das ações, dos eventos e das situações presentes na realidade" (cf. Prefácio). 






O e-book "Expansão do ensino superior & desenvolvimento regional/local" é fruto do projeto de pesquisa UNIVERSIDADE E REGIÃO: dinâmica espacial do ensino superior em Minas Gerais, financiado pela FAPEMIG. Nele, estão reunidos de trabalhos de vários pesquisadores de diferentes universidades do país, com a intenção de apresentar estudos que tem como preocupação entender, avaliar, discutir, pensar, o papel das universidades no desenvolvimento dos lugares e das regiões.

 





O e-book "Diferenças e territorialidades na cidade" representam um esforço coletivo de pesquisadoras e pesquisadores de enfrentar, como ponto de reflexão, a perspectiva da vida social organizada. Nesse sentido, os seis textos que o compõe, mais o Prefácio de Ana Sílvia Rocha Ipiranga, dedicam-se a examinar as cidades sob a ótica das diferenças e das territorialidades com uma perspectiva interdisciplinar nos Estudos Organizacionais.






O e-book “Dimensões e Interfaces do Rural” apresenta, em 10 capítulos, conceitos, categorias, noções, indagações e considerações sobre os distintos sentidos dos espaços rurais. Combinando diferentes abordagens sobre parte da complexidade do que se entende por rural, o conjunto de textos escrito por autores com distintas trajetórias sociais, profissionais e políticas procura dar conta de forma interdisciplinar de um conjunto de dimensões – socio-territorial, econômica e ambiental, com pesquisadores oriundos das Ciências Agrárias, Humanas e Sociais Aplicadas.





O e-book "Obra-prima da Amazônia? Problemas de regionalização e políticas públicas de            turismo no território paraense" constitui-se como uma leitura do turismo pelos olhos da Geografia. Nele, o autor Hugo Serra apresenta questões que relacionam a prática do turismo à discussão da regionalização e também avalia as formas pelas quais as política de turismo do Pará, considerando particularidades regionais, econômicas e sociais são efetivadas nas regiões-polo Belém e Araguaia-Tocantins. 
















Organizado por Luiz Alex Silva Saraiva e Ana Silvia Rocha Ipiranga, o e-book História, práticas sociais e gestão das/nas cidades reúne textos de pesquisadores diversos que investigam a cidade, na perspectiva dos Estudos Organizacionais. Os sintagmas que compõe o seu título ("história", "práticas sociais" e "gestão") são também os eixos sobre os quais a obra se assenta, congregando olhares heterogêneos  sobre como a cidade se apresenta, convidando-nos a mergulhar nas possibilidades organizacionais de se examinar o urbano. 







Estes livros fazem parte da série Geografia da Editora Barlavento que anualmente publica uma obra sobre o assunto e que esse ano, desmembrou-se em duas produções: uma que trata de temas mais ligados à Geografia Humana e outra, à Geografia Física. Os livros, lançados em 2020, resultaram da compilação de trabalhos de pesquisadores oriundos  de diferentes universidades brasileiras que fazem parte de grupos de pesquisa nacionais e internacionais. Trata-se de duas contribuições relevante para área de Geografia e áreas afins a ela. 


     LINK - BALBÚRDIA GEOGRÁFICA            * *                   LINK - ESPAÇO GEOGRÁFICO




Este e-book é o fruto das atividades realizadas pelo Laboratório de Planejamento Urbano e Regional (LAPUR) do Instituto de Geografia da Universidade Federal de Uberlândia ao longo dos anos de 2018 e 2019. Trata-se de conjunto de pesquisas desenvolvidas pelos membros do laboratório cujos interesses estão relacionados os processos urbanos contemporâneos. Considerando o entrelaçamento temporal que constitui as cidades, a coleção intitulada “Estudos Urbanos Contemporâneos”, por meio de seus doze capítulos, busca abordar temas de primordial importância aos estudos urbanos e à ciência geográfica, com o objetivo de fomentar e corroborar com a ciência geográfica, sobretudo com os estudos urbanos recentes.






O e-book, organizado por Luiz Alex Silva Saraiva (UFMG) e Alessandro Gomes Enoque (UFU), traz à luz estudos realizados acerca das cidades na perspectiva interdisciplinar dos Estudos Organizacionais. Contando com capítulos de diversos pesquisadores ligados à distintas instituições, o livro trata a cidade enquanto organização, enfatizando os processos de organizar as relações entre pessoas, a vivência da cidade como vivência socioespacial e as relações de poder que levam à dominação e ao privilégio.





Esse e-book é resultado dos trabalhos realizados por pesquisadores de diversos grupos de pesquisas preocupados com a discussão a respeito dos recursos hídricos, especialmente tratando da Gestão Hídrica Integrada na Amazônia, bem como discussões envolvendo Portugal e a Espanha. Traz também discussões relacionadas a resultados e possibilidades ligadas à agricultura, sistemas agroflorestais e resíduos sólidos, todos com influência direta na temática hídrica, que está presente em diferentes processos produtivos. Com isso, busca contribuir a presente obra pretende contribuir com reflexões voltadas ao planejamento territorial de gestores em distintas escalas,  com a diminuição do distanciamento entre a produção científica e  as políticas públicas e ofertar ao leitor interessado na temática novas perspectivas de pesquisa em curso.



Este e-book é composto por dois textos que circunscrevem a Geofilosofia, não como um nome para uma nova disciplina humana, mas, fundamentalmente, como um método de leitura do mundo e da realidade. No texto “10 teses de Geofilosofia”, traduzido para o português, a autora italiana Caterina Resta apresenta as principais questões que a Geofilosofia procura elaborar e para as quais pretende encaminhar soluções, como possibilidade de aproximação entre conhecimentos e áreas de estudo. O segundo texto, da autoria de Paulo Irineu, apresenta um resumo do “Seminário de Geofilosofia”, apresentado na Università Degli Studi di Messina, em maio de 2017.





Nesse e-book, a pesquisadora beninense Mohamed Moudjabatou Moussa e o professor Anderson Pereira Portuguez apresentam um estudo sobre o microfinanciamento e a promoção da cuneicultura como forma de desenvolvimento local e o combate à pobreza em África Ocidental, tomando para análise o caso do município de Allada, no Benin. A pesquisa que deu origem ao e-book foi realizada com base na literatura sobre o assunto, em análise documental, de dados oficiais e cartográficos e também na observação direta in loco, o que rendeu também um rico registro em imagens que ilustram o e-book.





O e-book Perspectivas Contemporâneas: Filosofia da Libertação e  Filosofia Africana  é fruto do V Congressos Brasileiros de Filosofia da Libertação e do II Encontro Internacional de Filosofia AfricanaReúne, assim, sob o signo da diferença, uma multiplicidade de artigos que exploram o diálogo seja interno da filosofia da libertação e da filosofia africana, seja entre elas e delas com as vertentes contemporâneas em perspectiva de libertação, num intercâmbio crítico e criativo. Este livro é, em síntese, uma mostra da produção contemporânea da filosofia latino-americana da libertação e da filosofia africana seja no continente ou na diáspora. É um acontecimento de renovação e continuidade da tradição dessas clivagens filosóficas, que lançam abordagens teóricas e metodológicas muito atuais juntamente com abordagens históricas e interpretativas da sua história. 







O e-book Olhares da Geografia Brasileira: dinâmicas ambientais e questões sociais na atualidade comemora o 5º ano do  eixo editorial Geografia e Meio Ambiente da Editora Barlavento e  oferece um conjunto de trabalhos de pesquisadores, alunos e professores (todos resultados de pesquisas em diversos níveis) que dissertam sobre temáticas das mais diversas no escopo de uma geografia que procura analisar tanto as dinâmicas da sociedade quanto da natureza. Esta diversidade de temas, abordagens e recortes de análise reforça a perspectiva de uma produção geográfica que se renova constantemente em suas metodologias, reflexões teóricas e práticas de pesquisa.  







Neste e-book, os autores colocam em cena conceitos ligados à Geografia e ao Cinema e propõem discutir  forma como as representações urbanas na linguagem cinematográfica podem produzir interpretações inerentes às construções de paisagens urbanas centrais/periféricas, pobres/ricas, morro/asfalto, e dentre outros exemplos. Apresenta os resultados de trabalhos de campo realizados na Região Metropolitana de Belo Horizonte, mais especificamente na Regional Nacional e seu entorno, com o objetivo de buscar as impressões dos sujeitos moradores a respeito do filme “A Vizinhança do Tigre” e contrapor com os resultados do Aglomerado da Serra representado no filme "Uma onda no Ar".






O e-book "Ritmos e cores do catolicismo negro em Ituiutaba"é um desdobramento da pesquisa de Mestrado de Luana Regina Mendes Rafael que, agora, em parceria com seu orientador Anderson Pereira Portuguez traz a público aspectos importantes acerca das as territorialidades da festa de São Benedito na cidade de Ituiutaba (Triângulo Mineiro, MG) no período de 1950 a 2017.
 




A temática Qualidade de Vida no Trabalho sempre foi objeto de intensas investigações nas diversas áreas de ocupação profissional. Contudo, muito ainda há de se refletir sobre as condições de satisfação, insatisfação, saúde e adoecimento dos trabalhadores no desempenho de suas atribuições no âmbito organizacional. Nesse sentido, a obra apresentada intitulada “Qualidade de Vida no Trabalho – diferentes olhares em um mesmo contexto”, tem como objetivo reunir conceitos, questionamentos e reflexões sobre a saúde do trabalhador brasileiro e sua qualidade de vida no trabalho. Ao tratar o tema qualidade de vida no âmbito do trabalho, a obra organizada por Alessandra Aparecida Franco e que conta com a contribuição de diversos autores, pretende contribuir para sua discussão no contexto contemporâneo instigando novas percepções e olhares fomentando e alargando debates sobre a temática.




                                                                                                                                                       

Esse e-book tem como tema central o Plano Diretor, enquanto instrumento de planejamento da política de desenvolvimento e expansão urbana do município, e visa a desenvolver critérios para aferir a adequação deste intrumento sob a perspectiva de sustentabilidade ambiental e de uma Cidade Saudável, nos municípios de Ituiutaba e Uberlândia. Este trabalho pretende, assim, verificar somente se os Planos Diretores dos municípios de Ituiutaba e de Uberlândia possuem previsões com enfoque na sustentabilidade ambiental e Cidade Saudável. Não se busca aferir a execução ou eficácia das diretrizes, medidas ou ações previstas nos Planos Diretores. Uma análise da execução dessas previsões e seus efeitos será objeto de outro projeto de pesquisa futuro. 




   
Versão E-book da tese de doutorado de Anderson Pereira Portuguez, em língua espanhola, com formatação e registros editoriais disponibilizados pelo autor no Clube de Autores.  Este Livro oferece um levantamento demográfico, econômico e sócioambiental de cinco vidas de pescadores localizadas na Planície Costeira do Delta do Rio Doce (ES). Traz ainda uma proposta de planejamento participativo do desenvolvimento local.   <><><><> LINK DO E-BOOK 





A presente obra se baseia na organização de textos produzidos no LAGECULT, Laboratório de Geografia Cultural e Turismo – Instituto de Geografia da Universidade Federal de Uberlândia – que tem como prioridade ampliar espaços para o desenvolvimento da pesquisa, do ensino e da extensão, bem como atender às necessidades da formação continuada de alunos, professores e pesquisadores. Os trabalhos se referem às investigações das relações entre geografia, geofilosofia, cidades, culturas, ruralidades, migrações, turismo e lazer, relacionados ao processo social, à produção do lugar e aos usos e apropriações daí decorrentes. Para tanto, estudamos as manifestações culturais decorrentes do processo social, decodificando linguagens e simbolismos, questionando seus efeitos, representações, sentidos, redefinições, metamorfoses, utopias e possibilidades das trocas simbólicas.


A obra que ora apresentamos intitulada ―Educação Ambiental: o capital natural na economia global‖ vem ao encontro da necessidade de se fazer reflexões críticas e realistas, constituindo-se em importante contribuição teórica para o debate a que se propõe. Aporta consistente conjunto de análises sobre os mais variados temas de interesse ambiental, que são discutidos desde a escala local, até a global, com profundidade e comprometimento. 
O livro foi organizado pelo sempre incansável Prof. Dr. Giovanni Seabra (UFPB). O educador, pesquisador e ativista reuniu um time de professores e pesquisadores com experiências relevantes nas suas áreas específicas de estudo e militância ambiental.



 Segundo a autora, o objetivo deste trabalho foi realizar a caracterização molecular com o intuito de identificar a filogenia de quatro isolados bacterianos obtidos de solos agrícolas de cana-de-açúcar com manejo de vinhaça, através do sequenciamento do gene 16S rRNA assim como, avaliar a capacidade de solubilização de fosfato desses isolados em meio NBRIP e relacionar os dados obtidos com boas práticas na agricultura. A Barlavento tem a honra de disponibilizá-lo, 
Boa Leitura!




Esta obra possui um apanhado de artigos escritos por docentes e discentes do Programa de Pós-Graduação em Geografia do Pontal.












 O livro Potencialidades do Bioma Caatinga: marcas sobre convivência e resistência se configura como um instigante convite para um passeio através do tempo e do espaço pelas estradas da Caatinga no Semiárido Brasileiro. Dividindo-se em 3 volumes.

LINK DO E-BOOK VOL. 1 










LINK DO E-BOOK VOL. 2 
                                                                                                                                                                                 






 LINK DO E-BOOK VOL. 3

O livro Caminhos da Produção Geográfica: dinâmicas ambientais, produção do espaço e educação na contemporaneidade, escrito por muitas mãos e diferentes trajetórias, apresenta os resultados de estudos e pesquisas de professores, geógrafos, mestrandos e doutorandos sobre temáticas que estão postas a todos na contemporaneidade, nos meandros da produção do espaço pelo homem e na educação brasileira. 
A obra Caminhos da Produção Geográfica busca contribuir para repensar e reavaliar os papéis desempenhados pela ciência geográfica e o seu ensino, na tentativa de estabelecer elementos para um debate mais complexo, afinal, a ciência que estuda o espaço geográfico vem mudando, os problemas de pesquisa e as metodologias se ampliaram, são revisitados sob uma nova ótica. 
Os artigos aqui reunidos têm como principal objetivo contribuir com a reflexão das problemáticas da sociedade atual, da dinamicidade da produção do espaço em que estamos inseridos.

Com a publicação deste livro apresentamos resultados, discussões e inquietações de pesquisas que se encontram em andamento e outras concluídas junto ao Grupo de Estudos e Pesquisas em Geografia Agrária e Trabalho (GEPEAT). Este grupo de estudos foi criado no ano de 2013 e registrado junto ao CNPq no mesmo ano. Desde sua fundação, e até mesmo antes de sua institucionalização já vínhamos desenvolvendo pesquisas centradas em temáticas relacionadas ao campo e à agricultura no Triângulo Mineiro, bem como sobre os diversos conflitos que envolvem a relação capital x trabalho, sobretudo no setor sucroenergético. As pesquisas realizadas por este grupo de pesquisa e que aqui, neste livro são apresentadas na forma de capítulos, trazem resultados de projetos de iniciação científica, trabalhos de conclusão de curso, dissertações de mestrado em andamento, e projetos de pesquisa financiados por agências de fomento, tais como CNPq (Conselho Nacional de Desenvolvimento Cientifico e Tecnológico) e FAPEMIG (Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Minas Gerais).LINK DO E-BOOK


A obra apresentada intitulada “Pessoas, Trabalho e Organizações”, expõe em seus 12 capítulos estudos de pesquisadores da temática abordada, no campo das ciências sociais, humanas e áreas afins. O bojo das discussões centra-se no estudo e compreensão da interação entre pessoas e trabalho no ambiente organizacional. Observa-se ao longo dos capítulos que, embora em segmentos distintos da economia a forma como as relações de trabalho se constroem sofrem impactos que requerem interpelações, já que estes nem sempre se consolidam sustentando-se nas melhores práticas gerenciais. Ao abordar a temática referenciada a obra propõe contribuir para sua discussão na contemporaneidade fornecendo subsídios teóricos para a academia e classe empresarial.
LINK DO E-BOOK













Este livro procura sintetizar as observações, estudos e reflexões desenvolvidos durante a elaboração de três trabalhos acadêmicos: a dissertação de mestrado Estudos Geomorfológicos da Região Cárstica de Andaraí: uma contribuição à conservação de cavernas(SEABRA, 1991), a tese de doutorado Do Garimpo aos Ecos do Turismo: Parque Nacional da Chapada Diamantina (SEABRA, 1998), e o relatório pós-doutoral Análise Geoecológica da Chapada Diamantina: paisagem natural, patrimônio cultural e educação ambiental(SEABRA, 2012), desenvolvidos e apresentados, respectivamente, na Universidade Federal de Pernambuco, Universidade de São Paulo e Universidade Federal da Bahia. O logro dos objetivos propostos é creditado ao autor, aos residentes da Chapada Diamantina, parentes, amigos e colegas de trabalho, que acompanharam o desenvolvimento, a evolução e a finalização desta obra. Agradecimento especial à geógrafa Claudia Neu, uma joia preciosa. Os estudos de natureza socioambiental permitiram reconhecer o equívoco no desígnio da categoria parque nacional para a unidade de conservação que reúne escombros naturais e humanos da lavra diamantina. Decorridos 180 anos de exploração econômica da Chapada Diamantina, as marcas do homem estão por toda a parte nas terras arrasadas. Não há sequer um único pedaço de chão sem que esteja revirado pela lavra diamantina, sulcado pela agricultura, pisoteado pelo gado, irrigado por águas poluídas e abrasado pelo fogo. 
LINK DO E-BOOK




A presente obra apresenta textos de diversos autores do Brasil, que trabalham temas variados aqui agrupados em três unidades: meio ambiente, turismo e militância acadêmica. A  obra é densa, bem ilustrada e reflete as inquietações que movem os trabalhos de geógrafos, turismólogos e outros pesquisadores de todo o país.  
LINK DO E-BOOK

























Nenhum comentário:

Postar um comentário